quarta-feira, 3 de março de 2010

Gorillaz - Plastic Beach (2010)

Depois de revolucionar o velho conceito mundial de banda com o ótimo debut do quarteto animado Gorillaz em 2001, o multifacetado e genial músico Damon Albarn volta mais uma vez - e cada vez melhor - com o terceiro disco da banda virtual mais querida e mais famosa do mundo (eles até entraram pro Guinness!).

Plastic Beach é um álbum sem firulas: Logo no título, nota-se que a temática do disco tem como base a poluição das praias e o interesse na ecologia que tomou conta de Albarn nos últimos tempos. "Eu suponho que o que eu fiz com esse álbum do Gorillaz foi tentar conectar sensibilidade pop com... tentar fazer as pessoas entenderem a melancolia essencial de comprar um alimento pronto em várias embalagens de plástico."

Notoriamente com uma sonoridade bem mais pop que não só dos álbuns do Gorillaz mas também de todos que tem a mágica de Albarn, incluindo os do Blur, Plastic Beach é uma verdadeira praia não de plástico, mas de preciosidades: O show começa com uma introdução orquestral, que logo pula para Welcome To The World Of The Plastic Beach, com um ritmo rodeado de leve por uma espécie de hip hop mais pop, envolvente e alegre que é comandado por Snoop Dogg, seguida por talvez a faixa mais rapper do disco, White Flag, fabricada para ser mandada direto para a pista. Rhinestone Eyes, que nos traz a voz mais jovem do que nunca de Damon Albarn com um pop realista e envolvente precede Stylo, com uma aura mais agressiva e mais latente, dona de um clipe grandioso que conta com o duro de matar Bruce Willis. Empire Ants vem com um ritmo mais suave e maravilhoso de ser escutado com a confortadora voz de Damon, o que muda com Glitter Freeze, que começa com um provável sampler de Radioactivity do Kraftwerk e se desenrola com seus hipnóticos e densos sintetizadores. Mas é On Melancholy Hill que leva o título de grande ápice do disco, com um pop dançante e confortante, e que chega a dar um brilho nos olhos. Coisa fina.

Outro ponto que torna Plastic Beach mais acessível do que já é, são as letras das músicas diluídas de qualquer expressão cabulosa que possa confundir o mais desatento dos ouvintes. A clareza de todo o conjunto artístico de Plastic Beach fecha um disco espontâneo porém com uma mensagem importante que nós já estamos cansados de saber para passar - a diferença é que dessa vez esta mensagem se mostra de uma forma bem-humorada, mais acessível e com toda a irreverência do Gorillaz. Se depender de Plastic Beach, podem anotar a mais nova fórmula matemática: Pop + Ecologia = Êxito total.

Gorillaz - Plastic Beach (2010)


Nota: 9,5

3 comentários:

Anônimo disse...

Download (320kbps - CDRip): http:// www. multiupload. com/ 0YUAFN4JAE

Anônimo disse...

Esqueci: Créditos à ||RCD||

Dilua disse...

ainda não ouvir todo o CD mas me parece bom
mas tudo que vem dos gorillaz e demais

Postar um comentário

> <
 
 
© DiscoPops. All Rights Reserved. Powered by Blogger. Designed by Ouch! Themes